CET SP: Ação de Atraso no Pagamento

Estamos nos esforçando para que assim, seja mantido o atual calendário de pagamento, que prevê o pagamento da primeira parcela para os trabalhadores e trabalhadoras em atividade

32

Ao longo dos anos, o SINDVIÁRIOS sempre se pautou pelo respeito as decisões da categoria.

Nunca nos furtamos a mostrar caminhos e dar opções a toda e qualquer situação e além disso, nunca desrespeitamos decisões judiciais, principalmente àquelas que, de alguma maneira, poderiam prejudicar nossos sócios e sócias.

E, exatamente para que não haja prejuízo e que o andamento do pagamento dos valores devidos pela CET sejam pagos, mesmo não concordando com a decisão da Juíza e podendo recorrer dessa decisão, aceitaremos a alteração no acordo decidido em Assembleia e pactuado com a CET.

As alterações sugeridas pela juíza para que se homologue o acordo é que não exista diferenciação entre sócios e não sócios e que não tenha qualquer desconto do montante devido. Vamos cumprir.

Esta semana, em conversa direta com a diretoria de representação (DR) e a direção da CET, estamos finalizando as novas bases desse acordo. Manteremos as faixas salariais do menor para o maior salário, independente de filiação sindical, bem como o número máximo de 10 parcelas para quitação total do processo e sem quaisquer descontos dos valores.

Estamos nos esforçando para que assim, seja mantido o atual calendário de pagamento, que prevê o pagamento da primeira parcela para os trabalhadores e trabalhadoras em atividade, atendendo assim as expectativas de todos.

Esperamos sinceramente que os trâmites jurídicos não atrapalhem o nosso intento e que tudo ocorra de maneira rápida, transparente e tranquila.

Sindviários trabalhando!!!