FRENTE UNIDA: Frente Unida a favor do projeto de periculosidade

Frente de centrais, confederações, federações, sindicatos e representantes se unem a favor do projeto

175

Em reunião ocorrida ontem, dia 5 de novembro, na sede do SINDVIÁRIOS, foi realizada uma avaliação sobre a não aprovação do nosso projeto de periculosidade (PLC 180/2017) na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos do Senado). 

Na reunião, foi acordada a criação de um grupo de articulação para agirmos em prol da aprovação do nosso projeto.

Está frente conta com o apoio das Centrais Sindicais (CUT e NCST), Confederações (CNTTL-CUT e CNTTT), Federações (FESTTT-CUT e FTTRESP-NCST), Sindicatos (SINDVIÁRIOS, SINDFICOT, SINDATRAN RS, SINDATRAN SC e representantes (DR-CET, DR-SPtrans, CRE-CET).

Nossa primeira missão será ir a Brasília conversar com os Senadores e destacamos o diretor de representação e conselheiro administrativo da CET e o presidente do Sindicato dos Agentes de Trânsito do Rio Grande do Sul, que farão as primeiras conversas já nos dias 06 e 07 de novembro, estamos agendando também encontros com os presidentes das Comissões de Assuntos Econômicos, Constituição e Justiça e Assuntos Sociais através da CNTTT.

Verificaremos quais foram as razões dos votos contrários e levantaremos quais senadores irão permanecer e integrar a próxima legislatura, bem como, começar as articulações para as relatorias das próximas comissões que virão pela frente.

Ressaltamos que todas as entidades citadas e que assinam este novo boletim, estão imbuídas na aprovação do projeto e lutarão em conjunto com os trabalhadores para obtermos êxito em nosso objetivo.

Sempre que necessário, este grupo se encontrará para reuniões e ações no Senado Federal e informaremos a categoria através de publicações conjuntas.