CET SP: O PAMO não vai acabar, mas depende de nós!

Áudio gravado em reunião do CRE viraliza nas redes e causa terrorismo nas trabalhadoras e trabalhadores

173

Ontem, domingo, fomos surpreendidos com um áudio do SRH Marco Palma, gravado durante a última reunião do CRE, onde ele fala sobre o suposto fim do nosso Plano de Saúde em 30 de abril, quando se encerra a vigência do nosso ACT.

As manchetes que acompanham o áudio são de extrema maldade e causaram terrorismo desnecessário entre as trabalhadoras e trabalhadores.

Quando ouvido integralmente, o conteúdo do áudio mostra que a CET está procurando meios para a manutenção do PAMO, buscando alternativas e propostas de um plano de auto gestão viável.

Fica claro que os nossos verdadeiros algozes são o Prefeito e seus secretários, que querem reduzir custos através de terceirizações e privatizações.

Contudo, estamos vacinados contra esse já conhecido papo de nova gestão, sempre que um novo governo toma posse, cabe a nós, trabalhadores, lutarmos contra isso, como sempre fizemos.

O  PAMO está garantido em ACT e existem normas da ANS a serem seguidas, o que inviabiliza a extinção unilateral de um dia pro outro.

Uma corrida agora aos hospitais e clínicas, é tudo o que a Prefeitura quer, justificando assim a falência do PAMO e implantando o seu pacote de maldades.

A hora é de ter calma e discernimento, de UNIÃO em prol da defesa do nosso melhor benefício.

A direção do SINDVIÁRIOS tem a experiência necessária com as ferramentas jurídicas e políticas, como greves, manifestações etc, para manter o nosso plano de auto gestão, como já faz há anos.

Agora, nossa categoria tem que caminhar junto conosco, somente JUNTOS continuaremos a lutar e vencer mais essa batalha.

Não se desesperem, não entrem em pânico, não acreditem em rádio peão e em manchetes sensacionalistas, as representações devem se manter unidas nesse caso e buscaremos o entendimento para UNIÃO dos representantes do SINDVIÁRIOS, DR, CIPA e CRE.

Entraremos em contato com a empresa para agendar reunião e, após a reunião, a direção do SINDVIÁRIOS informará a categoria sobre os passos a serem seguidos.